Karolyne Caparelli
Eventos
Artigos
Eventos
Card preliminar UFC 224

Card preliminar UFC 224

sultan-aliev-ufc-224.jpg

Markus Maluku vs. James Bochnovic

            A primeira luta começou com o brasileiro Markus "Maluko" Perez e o americano James Bochnovic. Markus fez sua segunda luta pelo UFC, sendo que em sua primeira aparição, ele foi derrotado por Erik Anders por decisão unânime dos juízes. Durante o combate, Markus procurou derrubar seu adversário para ter domínio no chão e logo aplicou um mata-leão e  levou a melhor na luta. Markus "Maluko" Perez venceu por finalização aos 4:28 do primeiro round. Em entrevista, Markus ressaltou que o método que ele usou para derrubar seu adversário partiu de uma adaptação de um golpe tirado de um personagem do jogo de lutas "Tekken", onde o personagem Hwoarang utiliza um golpe de chute rodado para atingir seu adversário e Markus decidiu pegar esse golpe e adaptar para a luta como uma forma de surpreender seu adversário. 

AlbertoMiná vs. RamadanEmeev

            A segunda luta do UFC 224 foi entre o brasileiro Alberto Mina e o russo Ramadan Emeev. Durante a luta, o russo começou a impor o seu ritmo que não foi acompanhado por Mina, e durante os três rounds os golpes do russo foram mais efetivos e quando a luta se deu por encerrada, era evidente o cansaço e os machucados do brasileiro. A luta teve como resultado a vitória de Ramadan Emeev por decisão unânime dos juízes. 

Jack Hermansson vs.Thales Leites

            A terceira luta do card preliminar foi feita entre os atletas Jack Hermansson da Suécia e Thales Leites do Brasil. Na luta, o primeiro round começou com um equilíbrio dos atletas se contendo para estudar a estratégia um do outro. Somente a partir do segundo assalto que o brasileiro Thales Leites começou a dominar o jogo e quase finalizou o adversário com um katagatame, porém Hermansson conseguiu se desvencilhar da posição e levou a luta para os últimos 5 minutos decisivos. No terceiro round, o sueco deu o troco ao quase conseguir finalizar o brasileiro que também saiu da posição, porém não conseguiu se reestabelecer na luta e acabou sendo derrotado por interrupção do árbitro Marc Goddard. O sueco Jack Hermansson venceu por nocaute técnico aos 2:10 do terceiro round. 

Warlley Alves vs. Sultan Aliev

            O brasileiro Warlley Alves e o russo Sultan Aliev fizeram a quarta luta da noite e o vencedor foi o brasileiro que por interrupção médica no final do segundo round foi declarado o vencedor por conta de um grande machucado no olho direito do seu adversário que fechou totalmente o olho do atleta. Desde o começo da luta Warlley foi bastante agressivo não se intimidou com o adversário e foi bastante contundente no primeiro round e levantou o público com sua entrega desde início. No segundo round, o ritmo da luta continuou muito intenso até o fim, nesse momento o árbitro Osíris Maia junto a comissão médica, decidiram por encerrar a luta por não haver condições de Aliev continuar lutando. Em entrevista Warlley ressaltou o seu grande nacionalismo e arrancou um coro de "Sou brasileiro com muito orgulho" do público presente e ainda disparou acusações para o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. 

Elizeu Capoeira dos Santos vs. Sean Tarzan Strickland         

  Seguindo o curso das lutas, o quinto combate foi entre o brasileiro Elizeu "Capoeira" dos Santos e o norte americano Sean "Tarzan" Strickland. A luta foi disputada com nenhum dos dois atletas se sobressaindo durante o combate até o momento que Elizeu decidiu fazer jus ao apelido de capoeira e ousar um pouco mais no seu jogo e acabou acertando um golpe de chute rodado na cabeça do americano levando ele ao chão. Elizeu venceu a luta por nocaute aos 3:40 do primeiro round. 

Davi Ramos vs. Nick Sergeant

              A atração em sequência se deu entre o alemão Nick "Sergeant" Hein e o brasileiro Davi Ramos. O brasileiro dominou a luta e buscou levar o quanto antes a luta para o chão, e conseguiu isso na metade do primeiro round e depois decidiu o combate com um mata-leão faltando 45 segundos para o intervalo. A luta terminou com a vitória de Davi Ramos por finalização aos 4:15 do primeiro round. 

Junior Albini vs. Alexey Oleynik

             Na penúltima luta do card preliminar do UFC 224, tivemos o combate  entre Alexey Oleynik da Rússia e Junior Albini do Brasil. A luta não foi muito longa pois o russo conseguiu derrubar o brasileiro e trabalhar a luta a seu favor até chegar o momento de aplicar um Ezekiel e acabar com a luta. A luta terminou por finalização a 1:45 do primeiro round. 

Cezar Mutante Ferreira vs. Karl Roberson           

 No último confronto, Cezar "Mutante" Ferreira enfrentou o norte americano Karl Roberson. Cezar não viu muitas dificuldades na luta e quando viu a chance para levar o jogo para sua especialidade que é o jiu-jitsu, aproveitou para imprimir o ritmo para cima do americano que acabou sendo levado para um katagatame e acabou terminando desacordado. O americano que até antes do combate estava invicto na categoria foi derrotado por Mutante por submissão faltando 15 segundos para o fim do primeiro round. 

Crédito: Lucas Moreira e Karolyne Caparelli

Karolyne Caparelli
Futura jornalista, carioca da gema, vegetariana, apaixonada por teatro, séries e livros, além de uma grande admiradora do mundo esportivo.